sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Inovação é receita para motivar

                                                
Líder da consultora Strategos admite ser um desafio difícil mas salienta que um meio inovador é estimulante.
Será que a inovação surge naturalmente num ápice brilhante, quem sabe até numa banheira, através do ambicionado "momento eureka", em que tudo se torna possível? Peter Skarzynski, CEO da consultora Strategos e especialista em implementar soluções inovadoras em empresas, não exclui a receita. Mas diz que o resultado será sempre magro. "Há muitas empresas a pensar assim, mas são poucas as que são bem sucedidas. Só quando a inovação é gerida como um processo, com a procura em produzir algo que faça a diferença e tratada como uma disciplina, pode haver sucesso", explica em entrevista ao Negócios.

O especialista norte-americano, que recentemente publicou em co-autoria o aclamado "Innovation to the Core", esteve, ontem, em Portugal a convite da Sonae para participar no Finov'10. Já a influência que um corte de salários tem na capacidade de um país se tornar mais inovador, é analisada de forma optimista. " Eles serão cortados quer aches que é boa ou má ideia. O desafio para o trabalhador e para o líder de uma organização é perceber como nos podemos motivar ou motivar os membros de uma organização. É difícil, mas a nossa experiência é de que a inovação pode ser um desses caminhos", garante.

Fonte: JN


Sem comentários:

Enviar um comentário